quinta-feira, 15 de junho de 2017

Transplante Vs Crosslinking


Casos muito avançados de ceratocone ainda necessitam de um transplante de córnea. Porém, hoje os transplantes são muito menos frequentes do que já foram há 10 anos, depois que o Crosslinking foi criado.
O ceratocone é uma doença com causas ainda desconhecidas, mas que pode causar impactos bastante intensos na visão. Por isso, o ideal é buscar acompanhamento médico e tratamento. Nesse sentido, o crosslinking é uma opção recomendada, pouco invasiva e que ainda ajuda a impedir a progressão da doença.
Caso ainda tenha alguma dúvida sobre o assunto, deixe nos comentários e aproveite para participar.

quinta-feira, 1 de junho de 2017

Tratamentos a Laser


O laser é uma excelente alternativa para corrigir as deformidades corneanas geradas pelo ceratocone. Em um tratamento combinado de laser e Crosslinking, mapas de relevo da superfície da córnea são passados para o laser que será programado para fazer um tratamento personalizado para correção das deformidades encontradas.
Áreas mais curvas serão aplainadas, áreas mais planas encurvadas, trazendo o centro da córnea para um formato mais regular que permite uma melhor visão, possibilitando que os óculos passem a contribuir com a qualidade de visão perdida pelas distorções do ceratocone.
Após a correção do laser, o Crosslinking irá fortalecer a córnea no seu novo formato mais regular, estabilizando a evolução do ceratocone. A combinação desses dois tratamentos melhora consideravelmente a qualidade da visão e impede a progressão do ceratocone.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares

Recomendamos ...